Formação em Mioterapia

“Terapia Manual para o tratamento de dores de origem muscular”

A Mioterapia promove a diminuição da tensão e dor muscular, auxiliando na correção da postura, conforto corporal, diminuição do estresse e na otimização da performance atlética. Sua aplicação é executada em macas, sempre de maneira confortável e relaxante, não havendo necessidade do cliente se despir. É recomendado o uso de roupas confortáveis.

A certificação e a padronização técnica é feita pela Associação Mioterapia Brasil, entidade que tem como objetivo divulgar a técnica através de cursos e palestras em todo território nacional brasileiro. Ao ser aprovado no Curso de Formação em Mioterapia, o profissional pode atuar em diferentes tipos de estabelecimentos como clínicas de massoterapia, de estética, naturalistas e clínicas médicas, no apoio ao tratamento em centros de reabilitação física, em clubes desportivos, spas, institutos de beleza, academias esportivas e de ginástica, em centros de fitness, em programas de qualidade de vida oferecidos pelas empresas a seus trabalhadores e em programas sociais voltados à promoção da saúde coletiva. Pode também atuar em espaço próprio ou atendimento domiciliar.

PÚBLICO ALVO

Profissionais e estudantes da área da saúde (Fisioterapia, Quiropraxia, Massoterapia, Enfermagem, Acupuntura, etc.)

DOCENTE: Prof. Esp. Ulisses Gama Cubas da Silva

Quiropraxista formado pelo IBRAQUI (Instituto Brasileiro de Quiropraxia), atuando a mais de 14 anos na área.

Fisioterapeuta Especialista em Quiropraxia (COFFITO)

Fisioterapeuta Especialista em Fisioterapia Manipulativa

Acupunturista Especialista na Técnica Nagano

Presidente da Associação Mioterapia Brasil

Vice-presidente da Associação Brasileira de Crochetagem

Professor do curso do Método Matheus de Souza de Quiropraxia do IBRAQUI (Instituto Brasileiro de Quiropraxia)

Professor do curso técnico de Quiropraxia do SENAC/SP entre 2003 e 2007.

CERTIFICAÇÃO

Associação Mioterapia Brasil

Agenda Mioterapia

SEDE SÃO PAULO

Data: 18, 19 e 20 abril de 2014

Horário: 8h00 às 18h00

Inscrição: R$ 100,00

Investimento: 3 cheques de R$ 200,00. Pagamento a vista 5% desconto do valor total do curso (inscrição + investimento).

Benefícios: apostila e certificado

Inscrições: clique aqui

Local: Sede Associação Mioterapia Brasil – São Paulo (ver mapa)

SEDE CAMPINAS

Data: 21, 22 e 23 março de 2014

Horário: 8h00 às 18h00

Inscrição: R$ 100,00

Investimento: 3 cheques de R$ 200,00. Pagamento a vista 5% desconto do valor total do curso (inscrição + investimento).

Benefícios: apostila e certificado

Inscrições: clique aqui

Local: Sede Associação Mioterapia Brasil – Campinas (ver mapa)

MARÍLIA – SP

Data: 9, 10 e 11 maio de 2014

Horário: 8h00 às 18h00

Benefícios: apostila e certificado

Inscrições e mais informações: (14) 3454-8149 – pjsinatora@gmail.com

Local: Rua das Turmalinas, 190 – Jardim Maria Izabel (próximo a Academia Polysport)

SANTA MARIA – RS

Data: 23, 24 e 25 maio de 2014

Horário: 8h00 às 18h00

Benefícios: apostila e certificado

Inscrições e mais informações: (55) 3222-4177 / 3222-2018 - quiropraxiasm@gmail.com

Local: QuiroPilates – Rua das Andradas, 1.355

Programa Mioterapia

NOMENCLATURA: Mioterapia

CARGA HORÁRIA: 30 horas

EMENTA: Generalidades, história, contração muscular, Ponto-Gatilho (Trigger Point), Ponto-Sensível (Tender Point), aplicação das técnicas.

OBJETIVO: Apresentar ao aluno conhecimentos morfo-funcionais, biomecânicos, cinesiológicos e fisiológicos, segundo a visão da Mioterapia, da abordagem terapêutica manual do tratamento de Trigger e Tender Points, que lhes permitam enriquecer o seu poder de decisão terapêutica e modificação do comportamento cinético de um ou mais tecidos moles, periarticulares e suas estruturas adjacentes.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

Unidade I – Introdução

1.1. Mioterapia

1.2. Associação Mioterapia Brasil

Unidade II – Histórico

2.1. Primeiros estudos

2.2. Janet Travell

2.3. Bonnie Pruden

Unidade III – Ponto-Gatilho (Trigger Point)

3.1. Definição

3.2. Ponto-Gatilho Miofascial Central

3.3. Ponto-Gatilho Miofascial de Inserção

3.4. Ponto-Gatilho Miofascial Ativo

3.5. Ponto-Gatilho Miofascial Latente

3.6. Ponto-Gatilho Miofascial Primário ou Principal

3.7. Ponto-Gatilho Miofascial Satélite

3.8. Ponto-Gatilho Não-miofascial

Unidade IV – Ponto-Sensível (Tender Point)

4.1. Definição

4.2. Tender Point e Trigger Point

Unidade V – Contração Muscular

5.1. Morfologia

5.2. Fisiologia

Unidade VI – Fisiopatologia

6.1. Teoria da Crise de Energia

6.2. Teoria Neuropática

6.3. Teoria do Ciclo Dor-Espasmo-Dor

6.4. Teoria do Tecido Cicatricial Fibrótico

Unidade VII – Técnicas de Desativação de Pontos-Gatilho

7.1. Liberação por pressão

7.2. Deslizamento miofascial profundo

7.3. Fricção transversa

7.4. Liberação pelo posicionamento

7.5. Realinhamento da coluna

7.6. A dor como tratamento

Unidade VIII – Indicações

8.1. Síndrome da Dor Miofascial

8.2. Mialgias primárias e secundárias

8.3. Disfunções mecânicas da coluna

8.4. Disfunções mecânicas de membros

8.5. Tendinopatias

8.6. Bursites

8.7. Cefaléias

8.8. DTMs

8.9. Fibromialgia

8.10. Performance Esportiva

Unidade IX – Contra Indicações

9.1. Processo inflamatório agudo

9.2. Ulcerações cutâneas

9.3. Lesões músculo-tendíneas totais

9.4. Fraturas

Unidade X – Fases do Tratamento

10.1. Mapeamento de superfície

10.2. Busca exploratória

10.3. Análise biomecânica

10.4. Aplicação das técnicas

Unidade XI – Aplicação das Técnicas

11.1. Crânio

11.2. Face

11.3. Cervical

11.4. Trapézio

11.5. Ombros

11.6. Escapula

11.7. Coluna torácica e dorso

11.8. Coluna lombar e pelve

11.9. Tórax anterior

11.10. Abdome

11.11. Pelve anterior

11.12. Membros superiores

11.13. Membros inferiores

Unidade XII – Administração do tratamento

12.1. Um novo produto de venda

12.2. Frequência e manutenção

Unidade XIII – Considerações Gerais

13.1. Biomecânica Ocupacional

13.2. Dinâmica Funcional

13.3. Ergonomia das atividades de vida diária

13.4. Ergonomia do posto de trabalho

13.5. Prevenção e Profilaxia